Brasil assume vaga no Conselho de Segurança da ONU

0
317

O Brasil assumiu nesse sábado (1º), uma das vagas no Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas). O país reassume uma cadeira no colegiado de nações dez anos após sua última passagem pelo conselho, em 2011.

O Conselho de Segurança da ONU tem, entre seus principais objetivos, a manutenção da paz e segurança internacional, podendo agir como intermediador, impor sanções e até mesmo autorizar forças de segurança a agir em situações de conflito internacional.

Durante o biênio de 2022-2023, o Brasil fará sua 11ª passagem pelo órgão decisor das Nações Unidas. Dos 15 integrantes do conselho, apenas cinco países têm assento permanente e poder de veto: Estados Unidos, Rússia, França, Reino Unido e China. Mas o Brasil, além de outras nações, tenta fazer parte do grupo permanente há anos. O embaixador Ronaldo Costa Filho,  aprovado pelo Senado em 2019 para ser o representante permanente do país junto à ONU, é quem vai participar das reuniões do conselho.